Energia Fotovoltaica: Quais as vantagens de investir

  |  

Você conhece alguma oportunidade de investimento segura e com uma excelente taxa de retorno a médio e longo prazo? Estamos falando da energia fotovoltaica.

Hoje em dia com a energia fotovoltaica já é possível você gerar a sua própria energia elétrica e dessa forma se tornar independente das altas tarifas energéticas cobradas pelas concessionárias. Através da economia mensal, você terá um retorno de investimento muito superior a maioria das aplicações encontradas nos bancos e corretoras, sem abrir mão da segurança.

Por que hoje mesmo você não separa uma parte dos seus investimentos e instala um sistema de energia fotovoltaica, obtendo excelentes retornos e ainda contribui para um planeta mais sustentável?

Muitas pessoas que buscam um investimento rentável e seguro optam por investir no tesouro direto. Vamos comparar a rentabilidade do Título Público IPCA+ com o retorno do investimento em um sistema fotovoltaico. A seguir é apresentada uma tabela com dados recentes obtidos do simulador do site do tesouro direto, mostrando uma rentabilidade líquida de 9,42% ao ano.

Com esse mesmo valor investido no tesouro direto, você poderia investir num sistema fotovoltaico que geraria uma média anual de 4.310 kWh de energia elétrica.

Considerou-se os seguintes pontos:

  • Tarifa energética aplicada pela CELESC ao grupo residencial;
  • Reajuste tarifário médio nos últimos anos, de acordo com a ANEEL;
  • Potência do sistema fotovoltaico em questão;
  • Taxa de performance considerando algumas perdas, como por exemplo, desvio azimutal;
  • Degradação dos módulos de acordo com o “datasheet” do fabricante;
  • Manutenção estimada considerando uma limpeza das placas ao ano;
  • Investimento total do sistema, considerando solução “Chave na Mão”;
  • Irradiação média na região de Joinville, de acordo com o banco de dados do INPE;

Para os panoramas, considerou-se a seguinte situação:

Com Fotovoltaico: o cliente, inicialmente, não possui valor algum, pois investiu o dinheiro que tinha no sistema fotovoltaico. Porém, a cada mês que passa, todo o dinheiro proveniente da economia de energia é aplicado no título público em questão.

Sem Fotovoltaico: inicialmente o cliente possui um valor aplicado no título público em questão, pois não investiu no sistema fotovoltaico. Esse montante inicial vai rendendo juros, porém o cliente ainda terá que pagar a conta de luz de alguma forma, não tendo esse montante para reaplicar.

E não para por aí…

A avaliação ainda foi conservadora, lembrando que na planilha financeira não foram consideradas outras taxas, como redução da COSIP, devido ao menor consumo energético, e as bandeiras tarifárias. Esse resultado pode ser ainda melhor. Aproveite as quedas recentes na taxa SELIC e comece a diversificar a sua carteira de investimentos com segurança. Faça agora mesmo uma simulação de quanto você e seu negócio podem economizar e se surpreenda!