Tab Energia
Saiba o quanto você irá economizar Simulação

Blog

Conta de luz: você sabe o que são as bandeiras tarifárias

Desde 2015, as contas de energia tiveram uma atualização e incluíram as bandeiras tarifárias para indicar se haverá, ou não, um acréscimo no valor da fatura dos consumidores.

Vale lembrar que as bandeiras não são novos custos adicionados às fatura de energia. Esta é apenas uma nova forma de mensurar e apresentar, mês a mês, os custos de geração já presentes na fatura de energia.

Elas funcionam como um sistema que sinaliza os consumidores sobre os custos da produção de energia elétrica. O funcionamento é simples: as cores das bandeiras (verde, amarela ou vermelha) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração de eletricidade.

Conheça as características de cada bandeira:

Bandeira verde: condições favoráveis de geração de energia. A tarifa não sofre nenhum acréscimo;

Bandeira amarela: condições de geração menos favoráveis. A tarifa sofre acréscimo de R$ 0,010 para cada quilowatt-hora (kWh) consumidos;

Bandeira vermelha:

Bandeira vermelha - Patamar 1: condições com maior custo na geração. A tarifa sofre acréscimo de R$ 0,030 para cada quilowatt-hora kWh consumido.
Bandeira vermelha - Patamar 2: condições com custo ainda maior na geração. A tarifa sofre acréscimo de R$ 0,050 para cada quilowatt-hora kWh consumido.

Com as Bandeiras, a conta de luz fica mais transparente e o consumidor tem a melhor informação para usar a energia elétrica de forma mais consciente.

Como e quando as bandeiras mudam de cor

De acordo com a ANEEL, a cada mês as condições de operação do sistema de geração de energia elétrica são reavaliadas pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico - ONS que define a melhor estratégia de geração de energia para atendimento da demanda. A partir dessa avaliação, define-se a previsão de geração hidráulica e térmica, além do preço de liquidação da energia no mercado de curto prazo.

Desse modo, para cada nível de geração hidráulica e térmica tem-se uma previsão de custos a serem cobertos pelas Bandeiras. Portanto, as cores das bandeiras tarifárias são definidas a partir da previsão de variação do custo da energia em cada mês.

No final de cada mês é possível verificar o valor da bandeira do mês seguinte no site da ANEEL: www.aneel.gov.br

A bandeira vigente deve ser informada também no site de todas as distribuidoras, em até dois dias úteis depois da divulgação pela ANEEL.


Fonte: ANEEL.



Voltar